02 - Copia - Copia - Copia.jpg

Walesca Cassundé
Nome literário de Walesca de Araújo Cassundé, cuiabana, residente em Campo Grande-MS. Formada em direito pela FUCMT. Advogada por opção e criminalista por vocação. Poeta por catarse, libertação física e purgação espiritual. Em março de 2017, lançou “Confissões Essenciais”, pela Ed. Gráfica Ruy Barbosa.

SONHO DE UMA NOITE DE OUTONO

O espelho reflete os lençóis amarfanhados 
que evocam luxúria e evolam odores 
de sexo e suor.
O corpo esvaziado de lascívia - acanhado,
em decúbito lateral - parece resignado
Com seu destino de tristeza e abandono. 
Numa parede nos arredores,
Um quadro torto da Colombina solitária 
combina com o panorama de realidade sombria.
Na face da menina de cabelos coloridos 
ainda resta o brilho das purpurinas -
sem folia, sem alegria, sem serpentina.

 

 

 

 

PONTO FINAL

Meu eu secreto  te deseja 
E te repele com a mesma energia.
Nos sonhos deliro murmurando teu nome 
- e louca, me enrosco em teu corpo despido; 
desejos e fantasias realizam-se num átimo -
é pura magia!
Mas nem bem amanhece desperto
afasto-te da mente, respiro - e repilo 
o inoportuno devaneio íntimo.
- Tu te impusestes um ponto final -  me  advirto;
nem adianta sofrer por quem sempre acrescenta 
dois pontos em seguida do teu, se queres ir além  numa história  compartilhada com infinitas ... reticências.

© 2019 - Revista Literária Pixé.

  • Facebook