35.png

Odair de Morais 
(Ôda), cuiabano, autor de Contos Comprimidos (Multifoco, 2016) e do volume de haicais Instante Pictórico (Carlini & Caniato, 2017).

a lua dilata
no alto do morro volta
a aula remota

não fala em milícia
faça carícia delícia
malícia ou unfollow

rindo do fantoche
cabelo verde amarelo
só sendo deboche

freme a flama –
o ramo de cânhamo
no vaso esparrama

via algo vago
a lisa pedra de molho
no olho do lago

a chuva precipita
revela na rua de terra
uma grande pepita

a avó reza o terço
descansa ao ver a criança
dormindo no berço

cuiabá sempre acordada
o calor da sua gente
sabe de cor a alvorada

passeio complacente
o cão e o dono
atados à corrente

alta filosofia
se procura auto-ajuda
a cura é poesia