Lívia Bertges

(1987, Juiz de Fora – MG) é doutoranda em Estudos Literários (UFMT) com estágio sanduíche na Sorbonne Université (Paris, França). É mestra em Estudos Literários (UFMT) e em Langues et Cultures Etrangères (Université Stendhal). Publicou artigos e poemas em revistas, antologias e sites. É editora da revista literária Ruído Manifesto.

EU-...

Suspensão após tombos.
Geometrias básicas,
Cada base é cintilante, 
macia e elástica.
Colidem no rodopiar.
...
Os triângulos
Viram e mexem
Saltam em arranque
Com velocidade
Atiram-se na pontaria 
daquele eu-rolante, 
força nas perpendiculares 
força cerrada nas laterais
da forca de dedos pontudos
nas superfícies em orifícios, 
dois ou três,
Correndo pelas tábuas lisas.
...
Os círculos em queda, 
em quantos graus?
eu-troncho
traço rota,
quebro membro.
Jogo o corpo.
Corpo jogado.
Rolado, 
Percebe o chão.
Sorriso roxo.
...
Retângulo cortada, em dois ou três, 
Vida embaralhada,
roda em transe, troca e trinca.
Voa, veste a sentença:
Planar desalento de articulações.
Eu-ponto-de-partida no
caderno por colorir.
...


Nós, peças do oculto cálculo,
quadrados em exame. 
Cada estabilidade, 
eu-recosto, eu-encosto.
Em seguida, dobro em partes, 
O êxtase nos barulhos cortados.
Prevejo o ataque de frente.
Eu-sempre-utensílio,
Agudo, frouxo no
Frêmito do novo design.

© 2019 - Revista Literária Pixé.

  • Facebook