Lécia Lucas 
Nasceu em Campo Alegre de Goiás, sudeste goiano, é jornalista, psicóloga clínica, poeta, capista e ilustradora. Tem participações nas antologias poéticas da Vivara Editora, “Poetize 2019” e “Liberdade” da editora portuguesa, Chiado.

SOMBRAS D'ALMA

deserta rua
de faróis
e de placas
 (sem oriente)

deserta rua
de casais
e de lua
 (sem romance)

deserta rua
de postes
a luzir poças
(sem espelho)

deserta rua
do eco
das cigarras
(sem canto)

de certa rua
de certo, a sua.

DO SOBRADO

Na casa
retinta,
não se via,
mas sabe-se
que ali existia:

uma dor
atrás da porta
e um amor
poeta afora.

RASTROS AÉREOS

Eu nunca
passo em branco
pela vida 
de alguém.

Passo
azul celeste,
verde limão,
amarelo ouro,
roxo hematoma,
passo
rosa bebê.

Tenho uma cara corada
de anjo redondo,
cabelo vermelho
de gente diferente
e passo colorido, e daí?

Passo
verde periquito,
azul pavão,
passo rosa flamingo,
pássaro preto... amarelo.
Eu posso e passo toda cor.
 

ARREPSIA

Falta-me o ar.
Sufocam-me
dois pássaros na mão.

Respiro mal. 
Por quem és, 
peito meu, afinal?

© 2019 - Revista Literária Pixé.

  • Facebook